A autora

Estou na Praça da Liberdade, em BH. Foto de Marta Alencar (Alta Estima Fotografia Inclusiva)

Laura Martins está na Praça da Liberdade, em BH. Foto de Marta Alencar (Alta Estima Fotografia Inclusiva)

Laura Martins, autora do blog Cadeira Voadora, vive em Belo Horizonte, Minas Gerais, e é cadeirante.

Seu amor pelas viagens foi a grande motivação para criar o blog. Dessa forma, ela espera que, ao compartilhar suas experiências, possa motivar outras pessoas com deficiência a bater asas.

É formada em Letras pela UFMG e tem pós-graduação em Revisão de Textos pela PUC Minas. Trabalha como redatora revisora na Assembleia Legislativa de Minas desde 1986. Também trabalha como voluntária em duas instituições.

Laura teve mielite transversa com 5 anos e meio; trata-se de uma inflamação na medula, causada por vírus, para a qual não há vacina. Hoje, ela se locomove exclusivamente com cadeira de rodas, a fim de poupar a musculatura, mas já usou aparelho ortopédico e muletas canadenses.

Para se sentir bem e cuidar do corpo, ele se dedica à fisioterapia, ao pilates e ao pedia suit. Também cuida da mente e do espírito, fazendo terapia e frequentando e trabalhando numa casa espírita. Também pratica meditação.

Se desejar se expressar ou contar um pouco de você, deixe um comentário ou escreva para acordodepaz@gmail.com . Seja bem-vind@!

 

10 Comments

  1. Laura,

    Que feliz te ver e saber desse espaço e com carinha nova né?
    Amamos saber 🙂
    Tudo de melhor pra você, muito sucesso!
    Foi ótimo saber mais um pouquinho de ti.

    Um beijo.

    Com carinho.

    Equipe Linda Como Sempre 🙂

    • Oi, Alessandra-Linda!
      Grata pelo carinho. Sei que compreende como estou me sentindo, pois vc também tem a característica de lutar para concretizar seus sonhos e se apaixonar pelo que faz.
      Beijo grande!

  2. Prezada Laura, boa tarde!
    Encontrei seu blog ao procurar informações sobre acessibilidade para pontos turísticos de Salvador. Gostei muito das informações. E pasme, sou baiana de Salvador, Enfermeira.
    Busquei as informações porque estou iniciando um serviço de acompanhamento de idosos para o lazer.
    Muito grata!

  3. Bom dia, Laura!
    Sou estudante de arquitetura e no momento faço uma pesquisa sobre acessibilidade e patrimônio histórico, achei muita coisa pertinente aqui. Muuuuito bom o blog viu?
    (inclusive tomei a liberdade de colocar no trabalho uma foto sua lá em Mariana, ok? citei a fonte, claro!)
    Pretendo ler mais postagens suas ainda, sua perspectiva é muito reveladora pra gente que pensa em projetos acessíveis para todos! Parabéns!

    • Puxa, Rafael, fiquei muito feliz por saber que as postagens foram úteis!
      Muito obrigada pelo feed-back. É muito importante para nós que os estudantes de arquitetura estejam se dedicando ao assunto.
      Abraço!

  4. Não sei, não. Acho que você foi minha colega de grupo, sim, no ensino fundamental. Encontrei-me com o seu irmão em uma barbearia e ele me falou de você. Fiquei surpreso com tantas coincidências e decidi procurar pelo seu website. Estudou na Fundação José Mendes Júnior? Teve colegas com os nomes de Adilce, Daniel e Baia?

    • Uau!!! Sim, sou eu mesma!!!
      Que bacana ter notícias suas. Vou te enviar um e-mail!
      Bjo

      • Que legal, Laura! Ainda mantenho um relativo contato com a Adilce (estou, inclusive, comprando outra cadeira na loja dela). O Daniel eu via, esporadicamente, no NACJ onde o padrasto dele era presidente fundador. A Baia nos deixou como o Max, não é? Beijo para você e aguardo o seu e-mail! Excelente reencontrá-la e foi graças ao seu irmão que me passou informações que não podiam ser meras coincidências! Um forte e saudoso abraço!

  5. Ah, sim! Também tivemos um outro colega de nome Max que faleceu quando ainda estávamos a estudar. Lembro-me que sentimos muito, pois estávamos voltando das férias e ele, o Max, não estava mais presente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *